Rotary RJ Ilha do Governador

O Rotary Faz a Diferença

Rotarianos são homenageados por promover a alfabetização

Dois Rotary Clubs serão homenageados no dia 7 de setembro em uma comemoração ao Dia Internacional da Alfabetização em Washington, D.C., como vencedores do prêmio Alfabetização Rotary, Associação Internacional de Leitura e Fundação Pearson.

Rotarianos e membros da Associação Internacional de Leitura (IRA) apresentaram o prêmio aos Rotary Clubs de Rockford e de Salem, EUA, por sua colaboração excepcional com os conselhos locais de leitura em suas comunidades. Cada clube receberá US$2.500 para projetos de alfabetização.

“Ensinar as crianças a ler exige não apenas professores qualificados, mas comunidades que apoiam e dão valor a alfabetização”, disse Richard Long, diretor de relações governamentais da IRA. “Esses dois projetos são o exemplo de que o trabalho conjunto estimula a leitura e contribue ao enriquecimento da comunidade.”

A IRA é uma organização profissional dedicada a promover altos níveis de alfabetização, melhorando a qualidade do ensino, divulgando resultados de pesquisas, informações sobre a leitura, e incentivando o hábito da leitura. A organização possui 70.000 membros e mais de 300.000 pessoas afiliadas em quase 100 países, incluindo conselhos e afiliações municipais, estaduais, regionais e nacionais.

Desde 2002, o Rotary e a IRA trabalham juntos como parceiros de serviço na promoção da alfabetização em comunidades do mundo todo. Os Rotary Clubs e distritos são incentivados a compartilhar recursos e informações com os conselhos locais da IRA.

O Rotary Club de Rockford ganhou o prêmio pelo projeto Reading Rocks, um festival anual de leitura que aconteceu em agosto. Neil Blakeslee, que presidiu o clube em 1988-89, disse que sua comunidade vê a leitura não apenas como algo fundamental, mas também como uma forma de melhorar todos os aspectos da vida de uma pessoa.

Livros para crianças

O Rotary Club de Salem foi escolhido em reconhecimento a um projeto de confeccionar livros para crianças de Santa Avenida, Guatemala. Com a ajuda do conselho de leitura Vineyard Valleys, os voluntários de ambas organizações montaram livros para crianças para a William M. Botnan Experimental School, onde todos os 130 alunos falam Cozal Ixil, uma língua Maia. O projeto visa preservar a cultura através da língua indígena, que não é ensinada nas escolas públicas.

Jayne Downing, do Rotary Club de Salem, disse que a comissão de alfabetização do clube seleciona projetos que eles acreditam que terão mais impacto para crianças em situação de risco, seja na comunidade ou em outras partes do mundo. “Tivemos a honra de trabalhar no projeto da Guatemala por várias razões, incluindo a capacidade de fazer a diferença na redução de barreiras e aumentar o acesso por meio de projetos de alfabetização”.

O Dia Internacional da Alfabetização, comemorado em 8 de setembro, chama a atenção para as necessidades de alfabetização em todo o mundo. Como seu clube irá celebrar esse dia? Conte-nos na seção de comentário abaixo.

  • Saiba mais sobre como trabalhar com a IRA baixando a folha de dados.
  • Leia mais sobre projetos de alfabetização no blog Rotary Voices.

Fonte: Daniela Garcia - Rotary News

Enviado por Luiz Carlos em Ter, 25/09/2012 - 14:09 , em