Rotary RJ Ilha do Governador

O Rotary Faz a Diferença

Governo do Reino Unido e Bill & Melinda Gates Foundation anunciam novo compromisso para erradicar a poliomielite

Notícia divulgada ontem (28/01/2011), pela PR Neswire Brasil:

DAVOS, Suíça, 28 de janeiro de 2011 /PRNewswire/ - O primeiro-ministro britânico, David Cameron, disse hoje que o Reino Unido iria dobrar sua contribuição atual para a erradicação da pólio.

O sr. Cameron pediu que outros doadores apoiassem a Iniciativa Global para Erradicação do Pólio ao anunciar o compromisso do Reino Unido em garantir que mais 45 milhões de crianças sejam totalmente imunizadas contra a doença.

Em 20 anos, houve uma redução de 99% nos casos de poliomielite, e a doença está prestes a ser considerada a segunda doença na história a ser erradicada, sendo a catapora a primeira. Em 2010, a Índia e a Nigéria, locais que sempre enfrentaram os maiores desafios para erradicação da doença, conseguiram, cada uma delas, 95% de redução. Porém, a pólio ainda existe em mais de dez países, e continua dizimando crianças ou deixando-as aleijadas.

O primeiro-ministro Cameron disse: "Acredito fervorosamente que temos uma oportunidade única para livrar o mundo desse mal que é a pólio. Temos as vacinas e os recursos para fazer isso. Tudo o que falta é uma vontade política firme para que esse esforço seja levado às suas últimas consequências.

"É por isso que estou anunciando, hoje, que o Reino Unido está preparado para imunizar completamente mais 45 milhões de crianças contra a pólio, por meio da duplicação, nos próximos dois anos, do nosso apoio à Iniciativa Global para a Erradicação da Pólio.

"Como retorno ao nosso compromisso, pedimos que outros doadores façam sua parte, e que os países afetados reforcem seus programas rotineiros de imunização.

"Chegamos muito longe na erradicação da pólio. Estamos prestes a ter um mundo livre da poliomielite, para todas as nossas crianças. Vamos concluir o trabalho. E vamos erradicar a pólio de uma vez por todas."

Ao discursar no Fórum Econômico Mundial, em Davos, Suíça, Bill Gates anunciou que a Fundação Bill & Melinda Gates comprometeu-se a doar mais $102 milhões para apoiar os esforços para acabar com a doença.

"Eliminar este último um por cento da pólio exige o tipo de liderança política que tem sido exibida pelo governo do Reino Unido e que está sendo exibido, hoje, pelo primeiro-ministro Cameron", disse Gates. "Para erradicar a pólio é necessário ter um pensamento inovador e vontade política, assim como fundos de vários doadores, para apoiar um programa agressivo que seja eficaz."

Andrew Mitchell, Secretário de Estado Britânico para Desenvolvimento Internacional, disse: "O Reino Unido está à frente na luta contra a pólio. Já fornecemos fundos para 1,2 bilhão de doses de vacina contra a pólio para crianças nos últimos dois anos, e o reforço do nosso compromisso significa que outros milhões mais estarão protegidas desta terrível doença.

"O principal objetivo, que é a erradicação total, só poderá ser alcançado se outros países e organizações fizerem a sua parte e liberarem fundos."

A dra. Margaret Chan, diretora-geral da Organização Mundial de Saúde, que lidera a Iniciativa Global para Erradicação Mundial da Pólio (em inglês Global Polio Eradication Initiative - GPEI), estava presente no momento do anúncio, junto ao primeiro-ministro e ao sr. Gates.

"Esses novos investimentos são feitos em um momento decisivo na luta contra a pólio ", disse a dra. Chan. "Temos uma janela de oportunidade agora, porque atingimos o menor número de casos já vistos. Mas se ainda existir casos de pólio em qualquer lugar que seja, corremos o risco de ter a doença de volta em todos os outros locais. Somente a erradicação vai garantir que a pólio não ressurja como uma ameaça mundial."

Os novos fundos do Reino Unido, assim como o apoio anunciado pela Sua Alteza Sheik Mohammed Bin Zayed Al Nahuan, príncipe herdeiro de Abu Dhabi, esta semana, vão ajudar a cobrir a lacuna de $720 milhões de fundos.

A pólio continua sendo endêmica em quatro países: Afeganistão, Índia, Nigéria e Paquistão, e foram registrados casos da doença no ano passado em Angola, República Democrática do Congo e Tajiquistão.

Os novos fundos vão ajudar a GPEI a comprar vacinas e realizar atividades de imunização. Nos próximos dois anos, mais de três bilhões de doses de vacina oral para pólio serão necessárias para imunizar crianças pequenas. Os fundos são necessários também para atividades como acompanhamento e assistência técnica. O pessoal que trabalha atualmente na erradicação da pólio é a única e maior fonte de assistência técnica para imunização nos países de baixa renda. O programa vai alocar também novos fundos para esforços de resposta imediata em áreas como República do Congo, onde houve recentemente muitos casos do vírus.

No ano passado, durante o Fórum Econômico Mundial, Bill e Melinda Gates propuseram que os 10 anos seguintes fossem considerados como a Década das Vacinas. A ideia é ter, em 10 anos, um mundo onde a comunidade de saúde global trabalhe em conjunto para oferecer vacinas que salvam vidas para todas as crianças necessitadas, e investir em vacinas que ainda não existem.

O primeiro ano foi de grande sucesso:

• Uma nova vacina para meningite foi lançada em Burkina Faso

• O mecanismo de Compromisso Avançado de Mercado da GAVI para custear uma imunização pneumocócica foi entregue na América Latina e na África

• Reduções inéditas da pólio na Nigéria (passando-se de 388 casos, em 2009, para 19) e na Índia (de 741 casos em 2009, para 41)

• Avanço significativo no desenvolvimento de uma vacina viável para malária

Os parceiros de vacinas em todo o mundo estão se reunindo para definir um Plano Global de Ação para Imunização para definir diretrizes para a descoberta, desenvolvimento e entrega de vacinas na próxima década.

NOTAS PARA OS EDITORES

Sobre o anúncio do Reino Unido em janeiro de 2011, em Davos, sobre a pólio

Nos próximos dois anos, o Reino Unido vai dobrar seu apoio à GPEI (para 40 milhões de libras anualmente), o que vai contribuir para imunizar completamente mais 45 milhões de crianças. O apoio estará sujeito a duas condições serão aplicáveis apenas aos 20 milhões de libras adicionais a cada ano:

• a primeira é que este suporte adicional seja reforçado pelo aumento do compromisso de fortalecer a imunização de rotina. Os programas rotineiros de imunização em cada país são fundamentais para garantir que a erradicação da pólio possa ser mantida no futuro. Os países precisam ter como prioridade a capacidade de sistemas de saúde nacionais, agora que temos como meta a erradicação no futuro

• a segunda é que o nosso suporte tem o efeito adicional de aproveitar mais os esforços de terceiros para ampliar e aprofundar os fundos por meio da equivalência de fundos

• como esse trabalho de equivalência de fundos vai funcionar? Para cada $5 fornecidos por terceiros, de 1º de janeiro de 2011 a 31 de dezembro de 2012, o Reino Unido vai aumentar seu apoio em $1 até o máximo de 40 milhões extras que foi anunciado.

O desafio do Reino Unido tem como objetivo ajudar a GPEI a expandir a base de doadores, fortalecer as opções de financiamento sustentáveis para o futuro e criar uma oportunidade para que outras pessoas se envolvam.

SOBRE A BILL&MELINDA GATES FOUNDATION

Guiada pela crença de que toda vida tem igual valor, a Fundação Bill & Melinda Gates trabalha para ajudar todas as pessoas a levar vidas saudáveis e produtivas. Nos países em desenvolvimento, concentra-se em melhorar a saúde das pessoas, dando-lhes a chance de deixar para trás a fome e da pobreza extrema. Nos Estados Unidos, visa assegurar que todas as pessoas, especialmente aquelas com menos recursos, tenham acesso às oportunidades de que precisam para o sucesso nos estudos e na vida. Com sede em Seattle, Washington, a fundação é dirigida pelo CEO Jeff Raikes e pelo Co-presidente William H. Gates Sr., sob a direção de Bill e Melinda Gates e Warren Buffett. Para obter mais informações, acesse: www.gatesfoundation.org.

Para ver informações e fotos em alta resolução sobre o trabalho da fundação, acesse: www.gatesfoundation.org/press-room/Pages/news-market.aspx .

SOBRE A INICIATIVA GLOBAL PARA ERRADICAÇÃO DA PÓLIO

A Iniciativa Global para Erradicação da Pólio é uma parceria público-privada entre governos nacionais e liderada pela Organização Mundial de Saúde (OMS), Rotary International, e Centros para Prevenção e Controle de Saúde dos Estados Unidos (em inglês, Centers for Disease Control and Prevention - CDC), e pela UNICEF (Fundo das Nações Unidas para a Infância). Seu objetivo é erradicar a pólio em âmbito mundial.

O governo dos Estados Unidos, Rotary International, o governo da Índia, a Fundação Bill e Melinda Gates e o governo do Reino Unido são os principais financiadores da GPEI.

FONTE: Bill & Melinda Gates Foundation e PR Newswire Brasil.

Enviado por Luiz Carlos em Sáb, 29/01/2011 - 08:55 , em