Rotary RJ Ilha do Governador

Rotary a Serviço da Humanidade

Encantando Rotarianos

Texto publicado na página do Centro de Estudos Rotários do D4570, seção Mensagens, de autoria do Companheiro Leo.

“Antes de pensarmos em encantar não-rotarianos, perguntemo-nos: nós rotarianos estamos encantados com nossos clubes de serviços e o que eles desenvolvem? Para muitos a resposta pode ser sim, mas um grande número de companheiros irá fazer uma reflexão e descobrir que, no fundo, não se encontra totalmente satisfeito.

Analisemos alguns pontos que creio serem de vital importância para o encantamento de nosso público interno.

Conteúdo das reuniões: para que os companheiros de um determinado clube sintam-se encantados nas reuniões de seu próprio clube, é necessário que elas tenham conteúdo. Quando falo em conteúdo, quero dizer algo além do protocolo de toda reunião. Para que isso aconteça, é necessário um bom planejamento das reuniões semanais e que elas contenham atividades que despertem o interesse dos sócios (palestras, informações rotárias interessantes e o próprio companheirismo).

Para que as reuniões tenham ainda mais conteúdo, é necessário que o clube tenha…

Projetos: clubes que não tenham nem mesmo um pequeno projeto de prestação de serviços à comunidade passam a não ter mais razão de existir e isso refletirá diretamente na motivação de seus membros. Não são necessários vários projetos, um único projeto bem planejado e conduzido é capaz de motivar e encantar rotarianos.

Mas não basta apenas o clube ter um projeto, faz-se necessária, como foi dito anteriormente,…

Participação nos projetos: presidentes de clube, como líderes do caminho, devem estimular seus associados a participarem efetivamente dos projetos de prestação de serviços. Se por alguma razão algum associado não participar desses projetos, encontre alguma função no clube que motive e encante esse companheiro.

Para que haja apoio a esses projetos por parte de companheiros de outros clubes, é necessária…

Comunicação: comunique os projetos de seu clube a tantas pessoas quanto forem interessantes conhecê-los. Forme pontes de amizade com jornais e rádios de bairro, utilize a Internet para comunicar aos companheiros rotarianos ou pratique a…

Visitação de outros clubes: visitar para comunicar, visitar para ser visitado. Não há como conseguir apoio de companheiros de outros clubes se eles nem se lembram que seu clube existe. Uma empresa que não anuncia seu produto cai no esquecimento. Por que a Coca-Cola não deixa de anunciar seus produto se milhões de pessoas já fazem uso deles diariamente? Especialistas afirmam que se ela deixar de anunciar seus produtos, em um ano, os consumidores não se lembrarão mais da marca.

Visite sempre outros clubes, mas não fique no anonimato: tenha sempre algo de bom a acrescentar às reuniões dos companheiros, comunique seus projetos, anuncie os dias de suas reuniões ou simplesmente externe o seu sentimento de felicidade por estar presente naquela reunião.

“Nada se faz sem um pouco de entusiasmo.” 

Isso está diretamente ligado ao…

Companheirismo: tanto no seu clube, quanto em outros clubes que você visite, pratique o companheirismo. Chegue mais cedo ao clube, dispense um pequeno tempo após as reuniões, apresente-se, diga o que você faz, pergunte o que seu companheiro faz. Troque idéias e experiências, encante-se com esse momento único que permite-nos, inclusive, relaxar da correria do nosso dia-a-dia.

Encante seus associados colocando em prática essas estratégias simples, que interligadas que são se tornam de grande eficácia na motivação dos companheiros!”

Enviado por Luiz Carlos em Qui, 20/07/2006 - 12:20